A Arte do Futebol

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Crise no Futebol Português



O campeonato da Liga Zon Sagres foi algo atípico, principalmente no fim da época e muito por culpa do União de Leiria que protagonizou um dos momentos mais caricatos (para não dizer vergonhosos) de que há memória, ao entrar para o jogo com o Feirense com apenas 8 jogadores. No entanto, isto é algo pelo qual se esperava há já bastante tempo, após várias ameaças de greves por parte de jogadores de outras equipas que estiveram em condições semelhantes. Há a tentação de culpar os jogadores que fizeram greve pela falta de profissionalismo, ou de culpar os jogadores que jogaram por falta de solidariedade para com os colegas quando a culpa é da irresponsabilidade dos dirigentes. 

Mas é importante referir que este caso não está sequer isolado nas nossas ligas profissionais e existem outras equipas que estão ou estiveram a determinada altura da época em incumprimento para com os seus jogadores, sendo que as mesmas conseguiram a manutenção (como o Vitória Futebol Clube e o Vitória Sport Clube). Em contrapartida, clubes que fazem uma gestão responsável do seu capital, fazendo um bom planeamento da época em função da sua dimensão e capacidade financeira acabam por ser relegadas, tal como aconteceu este ano com o Feirense ou na época 2008/2009 com o Trofense. 

No futebol há uma lógica relação entre a folha salarial e o rendimento de uma equipa, sendo que quanto mais se paga aos jogadores, melhor equipa se terá, e isto vê-se em todos os campeonatos do mundo, exceptuando qualquer tipo de desvio padrão que possa existir por força de uma boa gestão. Desta forma, a não punição das equipas incumpridoras é um reforço positivo à desonestidade e irresponsabilidade, e um tremendo desrespeito para com os ativos desportivos dos clubes e demais funcionários. 

No fim da época passada desejei sinceramente que estes episódios acabassem e que se criasse alguma regulamentação que controle a atuação financeira dos clubes (se eles não sabem tratar deles próprios, alguém que o faça) mas parece que desta vez os clubes nem esperam pelo início da época. O Varzim já abdicou da Segunda Liga, vamos ver quem se segue…

Sem comentários: